Portal da Igreja do Evangelho Quadrangular

Portal da Igreja do Evangelho Quadrangular

Portal da Igreja do Evangelho Quadrangular

Publicado em 27/10/2016

Artigos

Infantolatria, a idolatria do filho ao extremo

Crianças devem ser amadas e cuidadas, não idolatradas



O termo infantolatria é novo, mas o ato de amar tanto o filho, a ponto de não conseguir dar o limite necessário é muito antigo. Isso vem acontecendo há muitos anos e gera transtornos de personalidade às crianças. Os pais confundem amor com ausência completa de limites, e criam filhos que podem tudo.

Nenhuma criança é menos amada porque não impõe sua vontade sobre toda a família. Muitos pais permitem que a criança decida sobre alimentação, programação da televisão, passeios em família, férias e até o momento em que a família consegue conversar depende da de sua permissão. Sem limites, a família age em torno da vontade da criança e não sobre a necessidade e harmonia de todos.

Essas crianças são ensinadas que o amor está associado a poder fazer tudo. O que é um erro, porque são amadas e não precisam fazer somente o que querem para se sentirem bem. Elas precisam saber que não mandam em casa e precisam obedecer, compreendendo que são cuidadas e que a disciplina é para o bem delas.  

Crianças que podem tudo se sentem inseguras porque, ao mandarem em casa, tornam-se pais de seus pais, sem nenhuma condição emocional para tanto. Elas precisam ouvir "não" para serem preparadas para a vida.

Uma criança sem limites tem problemas no convívio com outras crianças na escola e na sociedade. Muitas vezes, os problemas se estendem aos professores, familiares e demais pessoas que estão ao redor.

A Bíblia ensina como educar os filhos. É preciso ser sábio na educação deles. Em Efésios 6:4, os pais são orientados a não provocarem os seus filhos à ira. Em vez disso, devem criá-los nos caminhos de Deus. Educar uma criança na "doutrina e admoestação do Senhor" inclui disciplina física controlada, corretiva e amorosa.

Pra. Soraya Garcia, coordenadora Nacional do Grupo Missionário de Crianças.