Portal da Igreja do Evangelho Quadrangular

Portal da Igreja do Evangelho Quadrangular

Portal da Igreja do Evangelho Quadrangular

Publicado em 22/11/2016

Atualidades

Moro aceita pedido de Lula, e solicita registros de entrada em triplex

O juiz federal Sérgio Moro aceitou pedido da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e da ex-primeira-dama Marisa Letícia.

Ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva


O juiz federal Sérgio Moro aceitou pedido da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e da ex-primeira-dama Marisa Letícia e requisitou nesta segunda (21) ao síndico do condomínio Solaris, no Guarujá, eventuais registros de entrada e saída do casal, "incluindo imagens ou anotações".

Responsável pelos processos da Lava Jato na primeira instância, Moro aceitou, em setembro, denúncia oferecida pelo Ministério Público Federal contra Lula e Marisa.

Os procuradores da força-tarefa da Lava Jato citaram três contratos da empresa OAS com a Petrobras e disseram que R$ 3,7 milhões foram pagos a Lula como propina. Entre outras suspeitas, há a de que a propina se deu por meio da reserva e reforma do apartamento triplex.

Os registros de entrada e saída do condomínio no litoral de São Paulo se somam a diversos outros pedidos realizados pela defesa do ex-presidente, como mostra o andamento da ação penal, em Curitiba.

Ao aceitar parte dos pedidos da defesa, Moro também requereu informações sobre a relação de eventuais ações de cobrança do condomínio que podem ter sido movidas contra o Grupo OAS, a relação de prestadores de serviço do prédio e até de moradores desde 2009.

Motivado pela lista de pedidos do ex-presidente, o magistrado questionou também a OAS, por exemplo, se ela contratou palestras de outros ex-presidentes, requisitando dados sobre os eventos e os valores envolvidos. 

g1.globo.com

Matheus Leitão