Portal da Igreja do Evangelho Quadrangular

Portal da Igreja do Evangelho Quadrangular

Portal da Igreja do Evangelho Quadrangular

Publicado em 09/08/2016

Atualidades

Trânsito, manifestações e lanches na Olimpíada: veja destaques desta 3ª

Para garantir volta após fechamento do metrô, BRT tem operação especial.


Com o objetivo de resolver os problemas da volta de torcedores no Parque Olímpico, começou na segunda (8) uma operação especial do BRT após encerramento do serviço de metrô.

 Após reclamações de quem encontrou fechada a Estação Jardim Oceânico, terminal da Linha 4 do metrô, a prefeitura anunciou o serviço especial do BRT, que passa a fazer trajeto até a Central do Brasil, passando pela Zona Sul.

As paradas do BRT especial ficam em São Conrado, Antero de Quental, Nossa Senhora da Paz, General Osório, Siqueira Campos, Cardeal Arcoverde, Largo do Machado e Central.

Quem quiser voltar na Linha 4 do metrô deverá sair do Parque Olímpico até meia-noite, para que consiga embarcar na Estação Jardim Oceânico até 0h30. O último trem fará conexão com a Linha 1 por volta de 1h20.

Manifestações liberadas
Uma decisão em caráter liminar da Justiça Federal na noite desta segunda-feira (8) determinou que a União, o Estado do Rio de Janeiro e o Comitê Rio 2016 se "abstenham de reprimir manifestações pacíficas de cunho político em locais oficiais durante a realização dos Jogos Olímpicos de 2016".

No despacho, o juiz federal substituto João Augusto Carneiro de Araújo, do Tribunal Regional Federal, aceitou o pedido do Ministério Público Federal e, ainda, fixou multa de "R$ 10 mil por cada ato que viole a presente decisão".

A lista de proibições e restrições nos locais de competições olímpicas deixa expresso ser proibido o uso de qualquer item que possa ser utilizado para realização de protestos na instalação, incluindo cartazes. A medida, no entanto, passou a gerar polêmica após espectadores divulgarem imagens de torcedores sendo retirados das arenas olímpicas por agentes da Força Nacional ou da Polícia Militar.

http://g1.globo.com/